5 lugares para se visitar em Toronto

Toronto está a um pulo de Nova Iorque – mais precisamente a 1 hora e meia de avião – tornando-se um destino perfeito para um bate e volta de final de semana.

A maior cidade do Canadá frequentemente figura em rankings de melhores do mundo para se viver, conseguindo combinar a dinâmica de uma grande metrópole (com seus quase 3 milhões de habitantes!) à segurança e tranquilidade de uma cidade de médio porte.

Assim como Nova Iorque, Toronto é super cosmopolita, e pude notar uma leve semelhança entre as duas cidades. Coincidência ou não, muitas séries de TV que se passam em NYC são filmadas por lá devido aos custos de produção mais baixos (um amigo que mora em Toronto me disse que é comum ver taxis amarelos pelas ruas e, quando isso acontece, é porque alguma filmagem está acontecendo – então fique de olho!:)).

Caso tenha algumas horas (ou dias) pela cidade, aqui vão algumas sugestões do que fazer:

 

  • Kensington Market & Graffiti Alley

Esse pequeno bairro formado por alguns quarteirões é a área hipster da cidade, e suas ruas são recheadas de lojinhas, restaurantes e bares animados. Na volta, passamos também pelo Graffiti Alley – um conjunto de ruas que exibe várias obras de graffiti.

Graffiti

A construção de 553m foi durante muito tempo a maior torre free-standing do mundo, tendo sido recentemente ultrapassada pela Tokyo Skytree e pela Canton Tower. Para ser sincera, a forma como as paredes de vidro foram construídas atrapalharam um pouco a vista, e o ingresso não foi dos mais baratos (CAD 36)… Maaas como a torre é o símbolo de Toronto resolvemos subir mesmo assim.

A Casa Loma é uma construção do início do século XX que teve como objetivo servir de moradia para o financier/soldado canadense Henry Pellatt.

Atualmente a casa é um museu, mas a visita já vale a pena pelo seu exterior e jardins lindíssimos, que já serviram de cenário para filmes e programas de TV. Como ela fica um pouco afastada do centro da cidade, optamos por ir de Uber, mas também é possível pegar o transporte público até lá.

Casa Loma

  • Niagara Falls

Apesar de não ser exatamente em Toronto, a visita à Niagara Falls é super fácil de se fazer de lá. Compramos uma passagem da Megabus, que saiu por aproximadamente CAD130 ida e volta. O trajeto leva umas 2 horas, e o ônibus te deixa no Niagara Falls Bus Terminal. De lá pras Cataratas são mais uns 10 minutinhos de taxi.

Apesar de nos referirmos à Niagara como uma única cachoeira, ela é, na verdade, a combinação de três, que ficam bem na fronteira entre os EUA e o Canadá (dizem que o lado canadense é o mais bonito de se ver). Junto com Iguaçu (que também recomendo!), Niagara está na lista das maiores cataratas do mundo, mas Iguaçu ganha no quesito maior queda-d’água em volume do mundo.

 

  • The Path

Toronto é também muito conhecida pelo frio, o que fez com que a cidade tenha desenvolvido uma super infraestrutura para sobreviver aos dígitos negativos no termômetro. O The Path é uma rede subterrânea de túneis com mais de 30 quilômetros que conecta a parte central de Toronto, sendo atualmente o maior complexo de shopping subterrâneo do mundo! O mais legal é que ele é realmente uma reprodução das ruas, com placas e sinalizações que te ajudam a saber onde você está. Assim, para quem mora e trabalha nos lugares cobertos pelo The Path, sair na rua durante frio não é necessário.

 

 

Até a próxima! 🙂

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

Up ↑

%d bloggers like this: